InícioNotíciasCadÚnico: se inscreva e garanta o Auxílio Brasil

CadÚnico: se inscreva e garanta o Auxílio Brasil
C

Anúncios


Tem havido várias notícias sobre o Auxílio Brasil nas últimas semanas, já que o parcelamento do próximo mês é de R$400. Se inscreva no CadÚnico.

As declarações levaram muitos brasileiros a descobrir como se inscrever no programa, então o governo federal anunciou que o ponto de partida seria o CadÚnico.

O anúncio da candidatura Auxílio Brasil não foi nada surpreendente, visto que o governo federal e provinciais muitas vezes permitem o acesso a vários programas sociais desta forma.

Brasil ajuda

Primeiramente, Auxílio Brasil é uma proposta do governo federal para substituir a tradicional Bolsa.

Em geral, o mesmo objetivo é apoiar famílias de baixa renda em situação de vulnerabilidade social.

O objetivo do serviço é promover a segurança alimentar, educacional e esportiva.

Portanto, na sequência de várias propostas apresentadas nos últimos meses, a oferta original foi devolvida, que incluía um parcelamento de 400 leis para 17 milhões de beneficiários.

Então, três milhões a mais do que o número de famílias atualmente amparadas pelo Bolsa Família, que é de 14,6 milhões. (CadÚnico)

Além disso, o Auxílio Brasil deve ter benefícios adicionais de valor simbólico, que são disponibilizados de acordo com o perfil de cada beneficiário. Segue alguns benefícios:

Desconto para crianças pequenas: para famílias com filhos entre 0 e 36 meses.

Bolsa Família:

Destina-se a jovens de 18 a 21 anos para incentivar esse grupo a continuar os estudos e a obter pelo menos um diploma.

Benefício para combater a pobreza profunda:

Se uma família não ultrapassar a condição de pobreza profunda, mesmo depois de ter direito aos benefícios acima, pode receber um apoio financeiro adicional, dependendo da composição da família.

Auxílio Esporte Escolar:

Destina-se a adolescentes de 12 a 17 anos de famílias beneficiárias do Auxílio Brasil e que se destacam nas competições oficiais do sistema escolar que acontecem em todo o Brasil.

Bolsa de Iniciação Científica para Jovens:

Paga a alunos que se destacam em competições acadêmicas.

No entanto, estará disponível em 12 prestações mensais sem limitação do número de destinatários por família. (CadÚnico)

Benefício de Assistência à Infância:

Disponível para pais ou responsáveis ​​de crianças entre zero e 48 meses que tenham uma fonte de renda, mas não estejam inseridas em uma rede de parceiros em creches públicas ou privadas.

Promoção da integração produtiva nas cidades:

É pago aos beneficiários brasileiros que comprovam emprego formal.

Assistência temporária:

Para famílias que receberam o Bolsa Família, mas perderam parte dos cuidados devido ao registro no Auxílio Brasil.

Portanto, estará disponível apenas durante a implementação do novo programa.

CadÚnico

O CadÚnico é um programa do governo federal que trabalha com coleta e análise de dados nas esferas municipais, estadual e federal.

Isso inclui o envolvimento de famílias de baixa renda em programas socioeconômicos.

Enfim, qualquer pessoa que queira ingressar no CadÚnico deve fornecer uma série de dados pessoais sobre si mesma e todos os membros da família que vivem em uma residência.

Por exemplo, situação de moradia e emprego, educação, renda mensal, entre muitas outras tarefas.

Quem é elegível para o CadÚnico e como pode ser aplicado?

A família que deseja ingressar no CadÚnico deve ter uma renda mensal não superior a meio salário mínimo anual por pessoa, ou seja, R$550,00 ou três salários mínimos como renda familiar, R$3300,00.

Se o grupo familiar atender às condições desejadas, basta localizar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo, localizado no município onde você mora.

Vale ressaltar que está bastante comum ter mais de um CRAS em uma cidade para melhor atender cada região.

Para se inscrever no CadÚnico, você deve:

Peça ao administrador da família para responder às perguntas de registro.

Esta pessoa deve ser membro da família, morar na mesma casa e ter pelo menos 16 anos.

Enfim, o  chefe de família deve apresentar preferencialmente certidão de casamento, CPF ou título eleitoral.

Exceção: no caso de responsável por famílias indígenas e quilombolas, poderá estar apresentando qualquer um dos seguintes documentos.

Não precisa ser um CPF ou título de eleitor.


Contato com a empresa CadÚnico:

Telefone – 0800 707 2003


* Fonte da Informação: gov.br/cidadania/pt-br/auxilio-brasil/beneficios

Você vai gostar

Carteira Google está atualizada e...

O Google anunciou nesta quarta-feira (20) que seu serviço...

Avatares para o Whatsapp estão...

Meta-avatares devem chegar ao WhatsApp, informou um informante nesta...

Cartão Submarino, garanta o seu!

Não é a primeira vez que venho oferecer um...

Empréstimo ou Financiamento, qual o...

Empréstimo ou financiamento: qual é a melhor opção? Muitas dúvidas...

Novo vírus no Android, tomem...

Um novo vírus contra o sistema operacional Android descoberto...

Qual o melhor cartão de...

A popularidade dos bancos digitais é um grande valor...

Como contratar um empréstimo no...

Sabe-se que as taxas de juros nos Estados Unidos...

Como ter na Conta R$1.650...

Se você guardou R$ 5 mil no FGTS, não...

Milhas para viajar! Aprenda a...

Os viajantes dizem que os voos internacionais são difíceis...

Criador de Yu-Gi-Oh morre aos...

A polícia japonesa confirmou nesta quinta-feira (07) que Kazuki...

Cartão NEO com muitas possibilidades

O Bradesco Visa Neo Platinum é um cartão que...

Modelo novo de empréstimo para...

Entenda como funciona um empréstimo para idosos. Veja o...
Dani
Dani
Olá eu sou a Dani, faço conteúdo diariamente pra te ajudar a encontrar o que esta procurando, estou feliz de ter você por aqui
VEJA TAMBÉM