Cachorro Cachorros podem comer chocolate - Mundo de Notícias

Cachorros podem comer chocolate

Não, cachorros não podem comer chocolate, mas você sabe o motivo?

Anúncios

Em todos os tipos de chocolate existem duas substâncias extremamente tóxicas para os cachorros, são elas: teobromina e cafeína, presentes no cacau.

Esses ingredientes são facilmente eliminados pelo organismo dos seres humanos, mas o mesmo não acontece no organismo dos cães.

Essas substâncias levam muito tempo para serem eliminadas, o que proporciona tempo suficiente para atingir níveis tóxicos. Portanto, quanto mais cacau, maior o risco que o chocolate representa para o seu cão.

Os chocolates meio amargos ou com alta concentração de cacau possuem altos níveis de teobromina, por isso são mais perigosos.

Anúncios

Portanto, mesmo uma pequena quantia desse tipo de alimento pode ser tóxica para um cachorro.

Um aspecto importante a ser considerado é o porte do cachorro.

Enquanto um cão de raça pequena, como por exemplo Poodle Toy, pode estar em perigo com uma pequena quantidade de chocolate, um Mastiff consumindo a mesma porção pode nem correr riscos.

No entanto, levando em conta as diferenças genéticas entre os cães e quantidades variáveis ​​de toxinas no chocolate, não há como dizer como qualquer cão reagirá.

Anúncios

Como é impossível prever, o melhor a fazer é manter todo o chocolate fora do alcance.

Além do cacau em si, chocolates também possuem outros ingredientes como açúcar e gordura, que também podem causar problemas.

Esses dois componentes estão presentes em muitos alimentos, porém no chocolate sua concentração estará sendo maior, portanto o consumo por cães deve ser evitado a todo custo

O que torna o chocolate tão perigoso para os cães? 

Esses ingredientes são facilmente eliminados pelo organismo dos seres humanos, mas o mesmo não acontece no organismo dos cães.

Essas substâncias levam muito tempo para serem eliminadas, o que proporciona tempo suficiente para atingir níveis tóxicos.

Portanto, quanto mais cacau, maior o risco que o chocolate representa para o seu cão.

Os chocolates meio amargos ou com alta concentração de cacau possuem altos níveis de teobromina.

Por isso são mais perigosos. Portanto, mesmo uma pequena quantia desse tipo de alimento pode ser tóxica para um cachorro.

Um aspecto importante a ser considerado é o porte do cachorro.

Enquanto um cão de raça pequena, como por exemplo Poodle Toy, pode estar em perigo com uma pequena quantidade de chocolate, um Mastiff consumindo a mesma porção pode nem correr riscos.

No entanto, levando em conta as diferenças genéticas entre os cães e quantidades variáveis ​​de toxinas no chocolate, não há como dizer como qualquer cão reagirá.

Como é impossível prever, o melhor a fazer é manter todo o chocolate fora do alcance.

Além do cacau em si, chocolates também possuem outros ingredientes como açúcar e gordura, que também podem causar problemas.

O sintoma mais comum de envenenamento por chocolate é o desconforto gastrointestinal, podendo gerar vômito, diarréia e aumento da sede, mas pode progredir para:

  • Hipertermia (temperatura elevada);
  • Hiperatividade;
  • Aumento da frequência cardíaca;

Casos graves apresentam sintomas como:

  • Tremores;
  • Convulsões;
  • Insuficiência cardíaca;
  • Morte.

O que fazer se seu cachorro comer chocolate

Não, cachorros não podem comer chocolate, mas você sabe o motivo?

Em todos os tipos de chocolate existem duas substâncias extremamente tóxicas para os cachorros, são elas: teobromina e cafeína, presentes no cacau.

Esses dois componentes se acharão presentes em muitos alimentos.

Porém no chocolate sua concentração estará sendo maior, portanto evitar o consumo por cães será a melhor escolha.

Se o seu cão apresentar qualquer um dos sintomas listados, leve-o imediatamente para o médico veterinário.

Caso você veja seu cão ingerindo nem que seja uma pequena porção de chocolate, não espere que os sintomas apareçam, também leve-o para uma consulta.

Outro ponto importante: não tente induzir o vômito por conta própria, o veterinário fará isso se necessário.

Para ajudar o veterinário a calcular a quantidade de teobromina e cafeína ingerida pelo seu cachorro, você pode reunir todas as informações que puder sobre o chocolate ou alimentos que contenham chocolate.

Como a embalagem ou a receita.

Não automedique seu bichinho, a melhor ação é ir ao veterinário.


* Fonte de informação: Autoria Própria


Calculadora de Empréstimos




Resultados:

Prestação Mensal:

Custo Total do Empréstimo:

Juros Totais Pagos: